MELOTECA SÍTIO DE MÚSICAS E ARTES
Siga-nosFacebookFacebookTwitterLinkedInMyspaceFlickr
> Currículos
PRINCIPAL

ANTÓNIO JOSÉ FERREIRA

CURRICULUM VITAE
RESUMO

António José Ferreira é formador, investigador, articulista, editor e professor de Música.

Iniciou em Setembro de 2007 um trabalho sistemático de criação de recursos e de formação de professores de Música nas Atividades de Enriquecimento Curricular, tendo já organizado e feito formação para mais de 1000 professores de Norte a Sul de Portugal continental.

Em 2007, obteve o CAP concluindo o Curso de Aptidão de Formador com nota 4,9 em escala de 5.

Foi entrevistado pela Antena 2, em 2004 e 2005, pelo Jornal da Madeira, em 2006, e a Agência Ecclesia em 2007.

Integrou as comissões de honra da Feira da Indústria Musical Portuguesa e do Concurso Nacional de Canto Luísa Todi, juntamente com Maria Cavaco Silva, Maria de Lurdes Rodrigues, Ministra da Educação, Isabel Pires de Lima, Ministra da Cultura, Luís Pereira Leal, Director do Serviço de Música da Fundação Calouste Gulbenkian, Cremilde Rosado Fernandes, directora da Escola Superior de Música de Lisboa, Mário Moreau, musicólogo, Jorge Rodrigues, realizador da Antena 2, António Wagner Dinis, da Escola de Música do Conservatório Nacional, entre outros.

No dia 2 de Junho de 2007, no Encontro Nacional da Associação Portuguesa de Educação Musical, subordinado ao tema "Ensino da Música no 1º Ciclo do Ensino Básico" realizado no Auditório da Escola Superior de Educação de Lisboa, fez uma comunicação intitulada "Expressão e Educação Musical em Rede", no âmbito de "Projectos Pedagógicos de Ensino da Música no 1º Ciclo".

FORMAÇÃO

António José Ferreira nasceu a 02 de Setembro de 1966, em Vila Fria, Felgueiras, filho de Adriano Pereira Ferreira e de Maria de Sousa Leite. Nos seminários vicentinos de Felgueiras e Porto iniciou os estudos musicais. Em 1989/90, terminou, na Universidade Católica Portuguesa (Porto), o Curso de Teologia Sistemática e, no ano seguinte, fez a pós-graduação na mesma universidade. Em 1991, defendeu a tese de licenciatura "A fé e o canto: ensaio de leitura teológica do canto religioso em português (1903-1963)". Em 1991/92, fez, no Funchal onde estagiava, um curso de Informática, e outro de Vídeo, ministrado este por profissionais da RTP Madeira.

Nos anos 1995/96 e 1996/97, cursou o mestrado em Teologia Sistemática na Universidade Católica Portuguesa (Lisboa) e em Janeiro de 1999 defendeu a tese "Música Litúrgica e/ou Música Sacra: critérios para uma delimitação conceptual a partir do Magistério da Igreja no século XX e a sua recepção em Portugal".

Frequentou diversas acções de formação no âmbito da música, designadamente o Curso de História da Música Portuguesa, com José Maria Pedrosa Cardoso, em 2001. Em 2002, participou no Encontro de Educação Artística: "A Música no 1º Ciclo do Ensino Básico" (Gaia), no Colóquio "A estética a partir da Filosofia" (Matosinhos), no Curso "Ser Corpo e ser Música" (Porto), no Curso de Pedagogia Musical Jos Wuytack e no Congresso Internacional "O órgão e a liturgia hoje".

Teve como professor de órgão Lucca Antoniotti no Conservatório Regional de Gaia, tendo prosseguido os estudos no Conservatório de Música do Porto com Paulo Alvim em órgão, João-Heitor Rigaud em Análise e Técnicas de Composição, António Diogo (Formação Musical) e Magna Ferreira (classe de conjunto/coro).

Tem feito desde 2002 cursos de criação de páginas para a web, incluindo os programas Dreamweaver, Freehand, Fireworks, Flash e Photosoph.

Frequentou acções de formação na Casa da Música e fez em Julho de 2007 o Curso de Expressão Musical sobre Expressão Dramática, Expressão Musical, Musicoterapia, Risoterapia, Reciclagem Musical, Música e Tecnologia, organizado pelo Lancaster College Valongo e Gailivro.

ACTIVIDADES MUSICAIS

A propósito do restauro do órgão de tubos histórico da Matriz de Salvaterra de Magos, organizou a temporada inaugural de seis concertos, que contou com a presença dos organistas Monika Henking, Antoine Sibertin-Blanc, António Duarte, Gerhard Döderer, e o "Coro de Câmara de Lisboa", "Capela Gregoriana Laus Deo", "Coro Laudate", "Audite Nova", entre outros. Pelas comemorações do ano jubilar e o Natal de 2000, organizou celebrações e concertos com as cerca 1000 crianças das escolas do 1º Ciclo do Ensino Básico do Concelho de Salvaterra de Magos.

OBRAS PUBLICADAS

António José Ferreira dirige o sítio www.meloteca.com, activado em Setembro de 2003 como espaço de encontro das músicas e dos músicos. O interesse cultural deste projecto foi reconhecido pelo Ministério da Cultura em finais de 2005.

Escreveu notícias e artigos para diversas revistas e jornais "Nova Revista de Música Sacra", "Boletim de Pastoral Litúrgica", "Voz Portucalense, ""Jornal da Madeira", "Jornal do Vale do Tejo", "Ribatejano"). Publicou individualmente e em obras colectivas da Universidade Católica Portuguesa e do Círculo de Leitores.

  • (1997) Cantai a Deus. Hinário da Missão. Texto, org. Lisboa: Edição dos Padres Vicentinos.
  • (2000) Cancioneiro Popular, org. Lisboa: Padres Vicentinos.
  • (2000) O Rei dos Instrumentos. Salvaterra de Magos: Paróquia de São Paulo Apóstolo.
  • (2000) Cantai a Deus. Hinário da Missão. Texto e Música, org. Lisboa: Edição dos Padres Vicentinos. 2ª ed. 2003.
  • (2000) "A Igreja e a música", in A Igreja e a cultura contemporânea, coord. Natália Correia Guedes e Manuel Braga da Cruz. Lisboa: Universidade Católica Portuguesa Editora. Edição profusamente ilustrada, publicada em 2001.
  • (2000) "A Música Religiosa Contemporânea", in Dicionário de História Religiosa de Portugal, coord. Carlos Azevedo. Lisboa: Círculo de Leitores.
  • (2001) Música e celebração: Magistério Pontifício do século XX. Vila Fria: Meloteca.
  • (2001) Músicas na Igreja: Magistério das Congregações Romanas. Vila Fria: Meloteca.
  • (2001) Palavras de música, de músicos, de Deus, org. Vila Fria: Meloteca.
  • Música na Igreja Contemporâena em Portugal, in Boletim de Pastoral Litúrgica 107(2002)114-124.
  • (2003) Canções para conviver, org. Vila Fria: Meloteca.
  • Igreja e música na internet, in Boletim de Pastoral Litúrgica 110(2003)97-99.
  • O motu proprio "Tra le Sollecitudini", in Nova Revista de Música Sacra 108(2004)1-4.
  • Consequências do motu proprio "Tra le Sollecitudini" em Portugal, in Nova Revista de Música Sacra 109(2004)1-4.

Para a "Enciclopédia de Fátima", editada pela editora Principia em 2007, escreveu o artigo "Música em Fátima".

Para a "Enciclopédia da Música em Portugal no século XX" (Círculo de Leitores/Editorial Notícias, dir. Salwa Castelo-Branco), escreveu os seguintes artigos:

  • "Acílio Mendes",
  • "António Azevedo Oliveira",
  • "António Cartageno",
  • "António Ferreira dos Santos",
  • "Benjamim de Oliveira Salgado",
  • "Comissões Diocesanas de Música Sacra",
  • "Joaquim Gonçalves dos Santos",
  • "José Fernandes da Silva",
  • "José Ferreira",
  • "José Pedro Martins",
  • "Luís Rodrigues",
  • "Manuel de Carvalho Alaio",
  • "Manuel de Faria Borda",
  • "Manuel Ferreira de Faria",
  • "Manuel Frade",
  • "Manuel Luís",
  • "Manuel Simões",
  • "Manuel Valença",
  • "Mário Silva",
  • "O ensino da música nos seminários",
  • "Periódicos de Música Sacra",
  • "Seminário Conciliar de Braga",
  • "Seminário Maior de Cristo-Rei dos Olivais",
  • "Serviço Nacional de Música Sacra".

10 Junho 2011

TOPO
ANTÓNIO JOSÉ FERREIRA COM GONÇALO FERREIRA
TOPO

Do que eu penso

O melhor cartão de visita de um músico é um excelente vídeo de um excelente concerto.

António José Ferreira

TOPO