MELOTECA SÍTIO DE MÚSICAS E ARTES
Siga-nosFacebookFacebookTwitterLinkedInTumblrFlickr
> Artigos
PRINCIPAL
Beethoven
Cravo Antunes
Guitarra portuguesa
Viola da gamba

Artigos de música

DE MÚSICA

DAS CIÊNCIAS E DAS ARTES

A canção pop rock

por Jorge Lima Barreto

(...) A canção é uma forma musical universalizada e vamos neste sentido apreciar o contexto e o seu envelope da canção pop rock (...)

PDFPDF

TOPO

A emissão vocal.
Uma visão física, fisiológica e psicológica das pregas vocais

A emissão de voz cantada envolve a habilidade de coordenar elementos físicos, fisiológicos e psicológicos: movimento e pensamento. (...)

PDFPDF

TOPO

A Engenharia e a Música - Instrumentos Musicais de Sopro

(...) tem como objetivo esclarecer a relação existente entre a Engenharia e a Música, abordando com especial atenção os instrumentos musicais de sopro.

PDFPDF

TOPO

A escrita para violão por compositores e arranjadores não violonistas

por Andersen Viana

O violão, instrumento que incorporou as características da cultura musical brasileira por excelência, disseminou-se no âmbito do (...)

PDFPDF

TOPO

A angústia da influência

por António Pinho Vargas

"A Angústia da Influência" tenta de alguma maneira abrir um espaço de reflexão sobre a influência artística, (...)

HTMLHTML PDFPDF

TOPO

A improvisação de Jorge Lima Barreto

por Emanuel Dimas de Melo Pimenta

(...) A Improvisação de Jorge Lima Barreto abre, muito seguramente, um novo campo na historiografia musical: (...)

PDFPDF

TOPO

A música como lugar para olhar o mundo

por António Pinho Vargas

(...) a música será talvez um dos "lugares" privilegiados para constatar o fim da Renascença, tomado no seu sentido mais (...)

HTMLHTML PDFPDF

TOPO

A música em tempos de cólera

por Sérgio Azevedo

(...) felizes para cerca de 30.000 pessoas desesperadas, trágicas para Aristides, que arruinou a carreira, (...)

HTMLHTML PDFPDF

TOPO

A música que veio da matemática

por Augusto M. Seabra

(...) Quando modernamente se problematizam as relações entre a música e a matemática, forçoso se torna referir um dos mais importantes compositores da segunda metade do século XX, Iannis Xenakis (...)

HTMLHTML

TOPO

A obra para órgão de Olivier Messiaen: ressonâncias teologico-litúrgicas

por José Paulo Antunes

(...) A obra musical de Messiaen manifesta aquela radical sede de Deus, do Deus vivo, de que fala o salmista (Sl 42,3), (...)

PDFPDF

TOPO

A obra "Rumos" de Ernst Widmer

por Andersen Viana

Pretende-se descrever recursos sonoros que foram utilizados especificamente na obra Rumos do compositor (...)

PDFPDF

TOPO

A quatro mãos

por Jorge Lima Barreto

O livro A 4 mãos - Schumann, Eichendorff e outras notas é uma obra singular de musicologia e teoria literária, (...)

HTMLHTML PDFPDF

TOPO

A sampladélia e o genoma musical proliferante

por Jorge Lima Barreto

(...) O sampler é por excelência um aparato industrializado na tecnologia digital, desde os anos de 1970, advindo da teoria (...)

PDFPDF

TOPO

A Terceira Sinfonia de Brahms

por Andersen Viana

(...) Na sua terceira sinfonia, Brahms consegue utilizar materiais sonoros aparentemente antagónicos, de forma (...)

PDFPDF

TOPO

Algumas considerações públicas sobre uma moral privada

por António Pinho Vargas

(...) Quem é que vocês pensam que irá ouvir as vossas peças no futuro se agora vocês próprios não vão aos concertos (...)

HTMLHTML PDFPDF

TOPO

Aproaching Musical Intelligence in the Classroom

por Rae Ann Hirsh

(...) Music has an effect on brain growth and bodily systems. Jensen (2001) reports that music reduces stress and enhances the (...)

PDFPDF

TOPO

As múltiplas inteligências e inteligência musical

por Neri P. Carneiro

(...) entre as múltiplas inteligências está a musical. Aquilo que se teorizou como inteligência musical é descrito como “habilidade (...)

PDFPDF

TOPO

As viagens e os erros

por António Pinho Vargas

(...) Depois das minhas viagens pelas instituições culturais como assessor nunca mais irei recuperar a inocência. (...)

PDFPDF

TOPO

Cantar num coro

por Mariana Bandeira

(...) Cantar num coro pode ter uma série de benefícios sociais, emocionais e psicológicos e agora podemos ver também os efeitos a nível biológico. (...)

HTMLHTML

TOPO

Código do Direito de Autor e dos Direitos Conexos

1 – Consideram-se obras as criações intelectuais do domínio literário, científico e artístico, por qualquer modo exteriorizadas, que, como tais, são protegidas nos termos deste Código, incluindo-se nessa protecção os direitos dos respectivos autores.

PDFPDF

TOPO

Como se organizam os neurónios quando se aprende a tocar?

por Andrea Cunha Freitas

Primeiro sozinhos, depois em grupo para aperfeiçoar a técnica. Esta parece ser a estratégia usada pelos neurónios quando são estimulados a aprender uma nova tarefa motora.

HTMLHTML

TOPO

Computer music e improvisação

por Jorge Lima Barreto

A música para computador surgiu contra os clichés que isolavam a Filosofia da Música e a fechavam sobre si mesma (...)

PDFPDF

TOPO

Developing the pre-school child's musical intelligence

por Patricia Michels

Because music is sound, the development of young child's music intelligence is integrally linked to his/her auditive development. (...)

PDFPDF

TOPO

Did you say "Heavy-Weibliche"?

por Sérgio Azevedo

Que há de comum entre Copland, Benjamin, Grainger, Rachmaninov e Schumann? (...)

HTMLHTML PDFPDF

TOPO

Eça e Offenbach

por Jorge Lima Barreto

(...) Quem leu os livros e ensaios anteriores deste autor tudo se torna tão inteligível e fluído como aliciante e surpreendente (...)

HTMLHTML PDFPDF

TOPO

Filipe Pires

por Jorge Lima Barreto

Filipe Pires é um dos mais ilustres compositores portugueses do Séc. XX e um ícone da História da Música. (...)

PDFPDF

TOPO

Guião da Acústica de Igrejas em Portugal

O presente trabalho consiste na criação de um "Guião da Acústica de Igrejas em Portugal", onde foram compilados vários parâmetros acústicos e arquitectónicos, referentes a uma amostra selectiva de cinquenta e quatro igrejas católicas portuguesas, construídas nos últimos catorze séculos.

por Telma Eduarda Lopes da Silva

PDFPDF

TOPO

Gustavo Salvini e a adaptabilidade da Língua Portuguesa ao canto lírico

Gustavo Romanov Salvini e as primeiras preocupações com a adaptabilidade da Língua Portuguesa ao Canto lírico: Breve périplo pela História da Ópera em Portugal do séc. XVIII ao séc. XIX (publicado na revista brasileira "Vozes dos Vales").

por Tânia Valente

(...) Esta investigação partiu de um preconceito, generalizado entre a comunidade de cantores líricos, portugueses e estrangeiros, de que o português é uma língua difícil de cantar. (...)

PDFPDF

TOPO

Improv pop rock

por Jorge Lima Barreto

A improvisação está presente no figuralismo do rock, e de forma espectacular; no rock, uma tipologia musical contemporânea, (...)

PDFPDF

TOPO

Jorge Peixinho - Integral para piano solo

por Jorge Lima Barreto

A publicação do CD duplo da obra integral para piano solo de Jorge Peixinho é da maior importância para a documentação histórica (...)

HTMLHTML PDFPDF

TOPO

Laptop e a defenestração do imaginário

por Jorge Lima Barreto

(...) Grave é a delapidação do étimo “improvisação”: afinal qualquer fuga ao idioma, à gramática, fluxo desprovido de ideia, direcção (...)

PDFPDF

TOPO

Les pas-de-Stravinsky ou a Balalaika Stravagante

por Sérgio Azevedo

(...) A criação artística é, por exclusão simétrica, por pares opostos, indefinível por outros meios que não os da própria criação. (...)

HTMLHTML PDFPDF

TOPO

Manifesto XXI

por Jorge Lima Barreto

Situação da ideologia da música portuguesa de hoje - é como abrir o ovo ofegante do sapo, bola translúcida peganhenta (...)

HTMLHTML PDFPDF

TOPO

Music as one of the eight multiple intelligences

por Lynne Cox

(...) songs to keep the flow of the language going, reading music notation, and the fact that music is a form of communication (...)

PDFPDF

TOPO

"Música": um conto de Miguel Torga

por António Manuel Ferreira

(...) ao entrar na igreja, o Lopes, ainda menino, fica seduzido pela música, aquela "música lenta, repassada de paz, (...)

PDFPDF

TOPO

Música absoluta: uma breve análise meta-crítica

por Andersen Viana

Sobre os fundamentos da Teoria da Música, Kofi Agawu assevera que a análise contemporânea exerce cada vez mais um papel (...)

PDFPDF

TOPO

Música e filosofia dos árabes

por João Marques Carrilho

(...) O papel fundamental destes árabes foi sobretudo o de transmissores dos conhecimentos dos antigos (...)

PDFPDF

TOPO

Música e poesia

Uma música com texto é mais rica, é de mais fácil entendimento, ou, contrariamente, desvirtua-se da sua natureza e é condicionada na sua interpretação? O poema? É clarificado pela música ou relegado para um segundo plano?

PDFPDF

por Maria Cristina Aguiar

TOPO

Música electrónica documenta

por João Marques Carrilho

(...) Ao invés da Poesia Concreta, que foi desde o início um movimento internacional, a música concreta foi um fenómeno (...)

PDFPDF

TOPO

Musica repetitio

por Jorge Lima Barreto

A Música é a Arte da “repetição” – seja a repetição relativa ao objeto sonoro, seja a ideia de matéria sonora (...)

PDFPDF

TOPO

Nova Música Portuguesa Improvisada

por Jorge Lima Barreto

Num pequeno parêntesis e confirmada a tendência multicultural, a desterritorialização e o transnacionalismo da nova música (...)

HTMLHTML PDFPDF

 

O conjunto sineiro de Mafra

As duas torres sineiras de Mafra incluem um notável conjunto de 120 sinos fundidos em bronze, com pesos que vão desde as doze toneladas até aos 2,7 Kg dos sinos de alto timbre. Os conjuntos consistem em três grupos distintos: os sinos de horas, os litúrgicos e os dos carrilhões.

por Isabel Yglesias de Oliveira

TOPO

O Contraste entre Música e Texto na Obra "Guerras do Alecrim e Manjerona"

O Contraste irónico entre música e texto na obra "Guerras do Alecrim e Manjerona" de António José da Silva (publicado nas Actas do Colóquio "Touros Comédias e divertimentos do séc. 18" e na revista Glosas).

por Tânia Valente

(...) Em "Guerras do Alecrim e Manjerona" (1737), porventura a obra mais conhecida de António José da Silva (AJS), são utilizados vários processos de cómico. Porém, o estudo da relação entre o texto e a música, apenas revelada ao público moderno no séc. XX por David de Sousa, ainda se encontra numa fase embrionária.(...)

PDFPDF

TOPO

O processo da criação artística

por Andersen Viana

Desde as mais remotas eras o ser humano sempre procurou um meio de expressar-se. Ora para aplacar as forças da natureza, (...)

PDFPDF

TOPO

O silêncio e a música de Maria João Pires

por Júlia-Miguel R. Bernardes

(...) Maria João Pires é uma pianista portuguesa do presente cronológico, uma mulher que se dedica profissionalmente (...)

PDFPDF

TOPO

Olivier Messiaen e a actualidade do Sagrado

por Yolanda Espiña

(...) Tudo em Olivier Messiaen revela, sem qualquer equívoco, a radicalidade da dimensão da sua fé – uma fé que era a (...)

PDFPDF

TOPO

Olivier Messiaen: nota biográfica

por José Abreu

Olivier Messiaen nasceu a 10 de Dezembro de 1908 em Avignon, França, no seio de um ambiente familiar artístico, (...)

PDFPDF

TOPO

On the overgrown path ou os caminhos (frondosos?) da MCP

por Sérgio Azevedo

Em 1998 escrevi um livro, A Invenção dos Sons (Caminho, 1999), no qual tentei uma panorâmica da actividade composicional (...)

HTMLHTML PDFPDF

TOPO

Orquestração:
o timbre e as suas particularidades expressivas

por Andersen Viana

(...) Sem dúvida um dos maiores expoentes da arte da orquestração no século XX, Maurice Ravel atingiu com as suas obras (...)

PDFPDF

TOPO

Os nove biliões de nomes de Bach

por Sérgio Azevedo

Numa das suas novelas de ficção científica, Arthur C. Clarke conta-nos a história de uns monges tibetanos (...)

HTMLHTML PDFPDF

TOPO

Os silêncios do Côa

por Jorge Lima Barreto

O que interessa talvez é falar, especular, conjecturar sobre que música se ouvia no Côa ao tempo das gravuras, se havia (...)

PDFPDF

TOPO

Percursos da percussão

por Jorge Lima Barreto

A zoomusicologia indica que os humanos partilham com outros animais, como os símios, o prazer do jogo e das formas (...)

PDFPDF

TOPO

Piano, piano... pianissimo

por Jorge Lima Barreto

(...) Neste texto procura-se uma reflexão sobre um situacionismo musical, confrontar o excesso de ecletismo. (...)

PDFPDF

TOPO

Saramago e a Música

Saramago e a Música. Breve análise da obra "As Intermitências da Morte", publicado na revista Glosas,

por Tânia Valente

(...) relação de Saramago com a música em romances, como As Intermitências…, o estudo do seu discurso fonético como discurso musical e todas as outras obras musicais (que não as de Corgui), que os seus poemas e romances inspiraram, são matérias que mereciam uma maior investigação e reflexão. (...)

PDFPDF

TOPO

Sonosfera artificial

por Jorge Lima Barreto

(...) Um ruído de fundo, global, envolve-nos, e subrepticiamente invade os nossos ouvidos; passivamente convivemos (...)

PDFPDF

TOPO

Telectu

por Jorge Lima Barreto

Duo musical constituído por Jorge Lima Barreto e Vitor Rua, formado em 1982 na III Bienal de Vila Nova de Cerveira. (...)

HTMLHTML PDFPDF

TOPO

The role of musical intelligence

por Susan W. Mills

The role of musical intelligence was investigated at a Central Florida elementary school. (...)

PDFPDF

TOPO

Tugajazz

por Jorge Lima Barreto

Em Portugal, o Jazz anterior aos anos de 1970, excluindo os auspícios do encontro entre Amália Rodrigues e Don Byas, (...)

HTMLHTML PDFPDF

 

Uma leitura de "Bach defendido contra os seus admiradores"

Uma leitura de "Bach defendido contra os seus admiradores", de Theodor W. Adorno (1ª Parte). Os caminhos da Diagonal: do Barroco a Bach.

por José Manuel Martins

PDFPDF

TOPO

Violino e viola menos cansativos

Nova técnica de execução realizada com a mão esquerda permite aos violinistas e violetistas uma 'performance' menos cansativa e com menor tensão muscular.

HTMLHTML

TOPO

Violinos Stradivarius têm um som melhor do que os modernos?

Estudo revela que os famosos violinos fabricados pela família Stradivari, afinal, não produzem um som diferente ou mais distintivo do que os outros. Pode ser o fim de um mito.

HTMLHTML

TOPO

Wolfgang Amadeus Mozart:
Considerações Antropológicas

por João-Heitor Rigaud

(...) A mutação da realidade biográfica mozartiana teve início ao longo da última década da vida do músico e, em geral, (...)

HTMLHTML PDFPDF

TOPO

Tânia Valente, canto, Palácio Foz, 27 de março de 2015

Tânia Valente, Profª. Draª. Tânia Sofia Gomes Valente
Investigadora no Centro de Estudos de Teatro
Faculdade de Letras - Universidade de Lisboa - Portugal

TOPO

ARTIGOS IMPRESSOS

Livro2006 Ano Fernando Lopes-Graça, por Mário Vieira de Carvalho, in Cascais Agenda Cultural nº 22, 18-21.

LivroA lição de Bernardo Valentim Moreira de Sá (1853-1924). Autoridade e comunidade artística e pedagógica, por Henrique Luís Gomes de Araújo, in Trabalhos de Antropologia e Etnologia. Revista inter e transdisciplinar de Ciências Sociais e Humanas, vol. XLIV (2004) Porto: Sociedade Portuguesa de Antropologia e Etnologia. Dossier O Tempo e a Música, coordenação de Henrique Luís Gomes de Araújo, 131-141.

LivroDa Música, por Eduardo Lourenço, in Trabalhos de Antropologia e Etnologia. Revista inter e transdisciplinar de Ciências Sociais e Humanas, vol. XLVI (2006) Porto: Sociedade Portuguesa de Antropologia e Etnologia. Dossier O Tempo e a Música II, coordenação de Henrique Luís Gomes de Araújo, 191-193.

LivroElizabete Matos, por Francisca Cunha Rêgo, in Jornal de Letras, Ano XXVI, nº 946 (3 a 16 de Janeiro de 2007), 8.

LivroFernando Lopes-Graça. Cartas inéditas do compositor, de Mário Cesariny e de Mª Helena Vieira da Silva, in Jornal de Letras, Ano XXVI, nº 946 (3 a 16 de Janeiro de 2007), 18-24.

LivroO tempo e a Música, por Adriano Jordão, in Trabalhos de Antropologia e Etnologia. Revista inter e transdisciplinar de Ciências Sociais e Humanas, vol. XLIV (2004) Porto: Sociedade Portuguesa de Antropologia e Etnologia. Dossier O Tempo e a Música, coordenação de Henrique Luís Gomes de Araújo, 123-125.

LivroO tempo e a música, por Filipe Pires, in Trabalhos de Antropologia e Etnologia. Revista inter e transdisciplinar de Ciências Sociais e Humanas, vol. XLIV (2004) Porto: Sociedade Portuguesa de Antropologia e Etnologia. Dossier O Tempo e a Música, coordenação de Henrique Luís Gomes de Araújo, 127-130.

LivroO tempo e a música: observações sobre a sua abordagem teórica pela etnomusicologia. Aspectos temporais, formais e rítmicos no batuque de Cabo Verde, por João Castro Ribeiro, in Trabalhos de Antropologia e Etnologia. Revista inter e transdisciplinar de Ciências Sociais e Humanas, vol. XLIV (2004) Porto: Sociedade Portuguesa de Antropologia e Etnologia. Dossier O Tempo e a Música, coordenação de Henrique Luís Gomes de Araújo, 143-157.

LivroO ritmo e o tempo - breves referências, por Manuel Ivo Cruz, in Trabalhos de Antropologia e Etnologia. Revista inter e transdisciplinar de Ciências Sociais e Humanas, vol. XLVI (2006) Porto: Sociedade Portuguesa de Antropologia e Etnologia. Dossier O Tempo e a Música II, coordenação de Henrique Luís Gomes de Araújo, 203-204.

LivroWolfgang Amadeus Mozart: Considerações antropológicas, por João-Heitor Rigaud, in Trabalhos de Antropologia e Etnologia. Revista inter e transdisciplinar de Ciências Sociais e Humanas, vol. XLVI (2006) Porto: Sociedade Portuguesa de Antropologia e Etnologia, Dossier O Tempo e a Música II, coordenação de Henrique Luís Gomes de Araújo, 195-202.

TOPO